Cascatas de Ouzoud

Cascatas de Ouzoud

As Cascatas de Ouzoud são uma das maiores atracções naturais de Marrocos.

Estão situadas no centro do país, numa região montanhosa entre o Médio e o Alto Atlas. As cascatas ficam num dos limites – a sudoeste – do Parque Nacional do Alto Atlas Ocidental e a cerca de 150 quilómetros de Marraquexe.

Apesar de serem de uma beleza natural muito grande, não são completamente naturais. Pronto, não são 100% naturais, só 99%. Porquê? Porque no topo da montanha foram colocados canais que ajudam a desviar a água para por em funcionamento moinhos antigos que ainda estão a funcionar.

Quando o tempo quente convida a mergulhos pode ir até à piscina natural no final das cascatas. Fica no meio de um caminho de oliveiras. Aliás, uma curiosidade: são as oliveiras que dão o nome às cascatas. Ouzoud significa azeitona em língua berbere.

Vídeo das Cascatas de Ouzoud

A zona das cascatas, as maiores do norte de África, é casa de um grupo de animais muito característico e que está em risco de extinção: os macacos-de-gibraltar que se encontram apenas aqui, no rochedo de Gibraltar e alguns escondidos pelo Atlas.

As quedas de água de Ouzoud, do rio el-Abid, têm mais de 100 metros de altura.
A água cai no desfiladeiro de Wadi el-Abid e, podemos dizê-lo com toda a certeza, é um local que lhe vai ficar para sempre na memória.

Normalmente, durante o Verão, estão lá jovens locais destemidos que dão saltos de vários metros de altura para a água. Leve a sua máquina fotográfica pois é um dos locais naturais mais bonitos de Marrocos. E leve também roupa para um banho, porque apetece sempre dar um mergulho.

Cascatas de Ouzoud em Marrocos durante o Inverno

Cascatas de Ouzoud em Marrocos durante o Inverno

Para visitar as cascatas de Ouzoud, pode alugar um carro e ir até ao local, mas também existem excursões de um dia até às cascatas. Esses programas, começam manhã cedo, incluem paragem para beber chá de menta pelo caminho e um almoço tipicamente berbere – as partidas e chegadas são feitas habitualmente em Marraquexe.

São cerca de três horas de viagem até às cascatas – e com o calor custa mais um bocadinho – e não é fácil dar com o sítio. Mas quando der vai ver que vale a pena a deslocação. Um local especial para passar um dia relaxadamente.

Quem começar a visitar às cascatas por cima, tem depois umas escadas por onde pode descer até à base do desfiladeiro. Mesmo com as temperaturas elevadas do Verão este é um local muito agradável e fresco para se estar. Tem uma espécie de micro-clima, ou seja, é totalmente diferente dos restantes locais nas redondezas.

Porque estas cascatas são um local muito turístico, existem restaurantes com vista para as quedas de água, onde pode provar a tradicional cozinha marroquina.