Dia 5 – Ouarzazate, Óasis de Fint, Marraquexe – Como é participar no Tour de Grupo a Marrocos

VIAGEM MARROCOS

Dia 5 – Ouarzazate, Óasis de Fint, Marraquexe

É altura de nos despedirmos do dar Rita e da Rita Leitão e iniciarmos a viagem de regresso à frenética Marraquexe. Antes de nos despedirmos de Ouarzazate, ainda vamos visitar os estúdios de cinema Atlas e o Oásis de Fint.

Ouarzazate e o cinema

Ouarzazate é conhecida como a Hollywood do deserto. E tornou-se o centro cinematográfico de Marrocos. Grandes produções como “O Gladiador”, “A última Tentação de Cristo”, ou “Alexandre O Grande” foram filmadas nesta região.

Estúdios de Cinema Atlas

Grande parte das produções filmadas em Ouarzazate foi filmada no Atlas Studios a 7 kms a oeste de Ouarzazate.
Por 40 Dirhams, menos de 4 Euros, podem visitar os estúdios com um guia a falar inglês ou espanhol, e que vos explica todos os cenários e a história de cada filme. Estivemos no mosteiro Tibetano construído para o filme Kundun, e nos vários cenários Egípcios utilizados em filmes e documentários sobre a Cleópatra. “A Jóia do Nilo”, os “10 mandamentos”, “A Múmia” e “O Regresso da Múmia” também foram filmados aqui.

As razões para Hollywood escolher Ouarzazate para filmar tem a ver com custos de produção mais baixos, com a facilidade em encontrar figurantes, com a luz e com o silêncio. É uma visita diferente e que vale a pena, para quem nunca visitou um estúdio de cinema, é uma excelente oportunidade.

Oásis de Fint

A passagem pelo Oásis de Fint é breve. Apenas para apreciar a paisagem e tirar fotos. Aqui recomenda-se também a visita ao vale das Rosas, mas estamos fora de época, pelo que não paramos para visitar.

De novo em Marraquexe

Chegamos novamente a Marraquexe e ao Riad Dar El Masa. E é hora de dizer adeus ao nosso guia Ahmed.

Nem é preciso dizer que o chá e os frutos secos estão à nossa espera.

O Riad não serve refeições (apenas o pequeno almoço), pelo que combinamos jantar, e aqui o grupo divide-se. Uns vão para a praça Jemaa El Fna comer nas barraquinhas, e os outros (onde eu estou incluída) vão para a parte nova da cidade que fica fora da Medina, ao conhecido Restaurante Comptoir Darna. Se tiverem oportunidade é mesmo um restaurante a visitar. Também tem clube na parte de cima e vale a pena levar uma roupa mais “chique”. O jantar inclui espectáculo de dança do ventre.

A famosa dança do ventre 😁 @marrocoscom #marrakech #marraquexe #travelblogger #marrocos #marocco

A post shared by Sonia Justo (@lovelylisbonnertravelblog) on

Está aberto 7 dias por semana das 19h às 03h da manhã. Têm de fazer reserva senão não conseguem mesa. O funcionário do Riad tratou-nos das reservas do restaurante e do táxi que nos foi levar e buscar. O preço médio por pessoa ronda os 30€, mas depende sempre da quantidade de vinho que beberem. A comida é óptima, eu comi um risoto de frutos do mar que estava divinal. E o ambiente é requintado e seleccionado. À meia-noite era o meu aniversário, e os meus companheiros de viagem fizeram-me uma surpresa. As funcionárias trouxeram um bolo com velas e cantaram os parabéns em Árabe. Sem dúvida um aniversário para recordar, e um excelente início dos meus 41 anos.

Siga o resto da viagem: