Visitar Saidia Marrocos

Saidia Marrocos é um destino de lazer e praia, localizada ao extremo norte do país, na província de Nador. Com uma população de 4 058 habitantes, a cidade recebe cerca de 250.000 visitantes por ano, que buscam o seu clima ameno, um mar abundante em peixes e mariscos e uma praia de areia fina e dourada e águas calmas e cristalinas.

Saïdia está à margem do Mar Mediterrâneo, na região da planície de Trifa e sua praia com 14 km de extensão é uma das mais extensas de Marrocos.


Como Chegar a Saidia?

Como Chegar a Saidia
Como Chegar a Saidia

O aeroporto mais próximo de Saïdia está localizado na cidade de Melilla, uma cidade autônoma espanhola, situada no norte de África. O Aeroporto de Melilla (MLN) não opera com jatos grandes, no entanto, tem capacidade para aviões de médio porte (Airbus A320 e Boeing 737), jatos regionais e aviões turboélice. As companhias aéreas que operam no local é a Air Europa, a Hélity e a Iberia Regional.

  • Aeroporto de Nador

Outra opção é o Aeroporto de Nador, a 100 km de Saïdia, na qual operam as companhias aéreas Air Arabia Maroc, Royal Air Maroc, Royal Air Maroc Express, Eurowings, Brussels Airlines, Ryanair, Transavia, Transavia France, TUI fly Belgium e Vueling.

  • Aeroporto Al Hoceima

O Aeroporto Cherif Al Idrissi – Al Hoceima (AHU) está a 200 km de Saïdia e trabalha com as companhias aéreas Royal Air Maroc Express, Royal Air Maroc, Brussels Airlines, Transavia e TUI fly Belgium.

Veja também o passo a passo de como alugar um carro no Marrocos.

Como chegar de Marraquexe à Saïdia

A forma mais simples de chegar a Saïdia a partir de Marrakech é indo de avião.

No Aeroporto de Marrakech (RAK), pegue um voo até o Aeroporto de Nador (NDR). As companhias aéreas que fazem este trajeto são a Royal Air Maroc, a Ryanair ou uma combinação entre a Royal Air Maroc e a Air Arabia Maroc, em um percurso de cerca de 3h15m. Do Aeroporto de Nador, pegue um taxi até Saïdia em 1h30m de viagem, que custará de 290 a 385 Dirhams.

Como chegar de Casablanca à Saïdia

  • Avião

Pegue um voo de do Aeroporto Internacional Mohammed V – Casablanca (CMN) ao Aeroporto de Nador (NDR) com as companhias aéreas Air Arabia Maroc ou Royal Air Maroc, numa viagem de cerca de 1 hora de duração. A partir daí, pegue um táxi até Saïdia em uma viagem de 1h30m de duração, que custará de 290 a 385 Dirhams.

  • Comboio (Trem)

Pegue um comboio da estação Casa-Voyageurs de Casablanca até a cidade de Tangier, numa viagem de 2h10m de duração. Em Tangier, pegue um Grand Taxi até Saïdia, numa viagem que dura 4 horas e custa cerca de 190 a 340 Dirhams.


História de Saidia

História de Saidia
História de Saidia

Estima-se que os primeiros habitantes de Saïdia tenham sido nômades que viviam em cabanas ou tendas berberes até que uma mesquita foi construída no povoado em 1548.

No entanto, o local somente começou a ter importância entre os anos de 1881 e 1883, quando o sultão Hassan I mandou construir duas mesquitas e o kasbah (fortificação que fica no centro de uma cidadela), que inclusive ainda está de pé e pode ser visitado até hoje.

A aldeia foi então batizada com o nome de Assaïdia, que significa “cidadela feliz”, mas ainda tinha pouquíssimos habitantes. Somente em 1913 que a cidade se tornou um destino popular entre colonizadores europeus que tomaram gosto por visitá-la, fazendo dela uma estância balnear.

Hoje Saïdia é um polo turístico no nordeste de Marrocos, graças a grandes investimentos na cidade que permitiram a criação de uma marina com capacidade para 840 ancoradouros, além de hotéis de 4 e 5 estrelas, campos de golfe, apartamentos residenciais, ou seja,  um destino turístico muito bem estruturado.

Assim como os grandes hotéis de outras cidades do Marrocos, como Agadir, por exemplo, os hotéis em frente à praia de Saïdia oferecem inúmeras atividades de lazer como tênis, golfe, spa, talassoterapia, ginásio, entre outras.


Quando Visitar Saidia

Quando Visitar Saidia
Quando Visitar Saidia

Saïdia tem 300 dias de sol por ano e o clima da cidade é muito ameno, com exceção do verão, quando as temperaturas chegam aos 40 °C, embora a média das máximas seja pouco mais de 30 °C e da cidade ter um vento constante e moderado para ajudar a refrescar. 

Já nos meses de inverno, a temperatura mínima média ronda os 10 °C, ainda que possam chegar aos 0 °C.

O volume de chuva anual é de cerca de 400 mm, sendo que a época mais chuvosa acontece entre outubro e março. Já nos meses de julho e agosto quase não há chuvas.

SAIDIA WEATHER

Pontos turísticos de Saidia?

O que visitar em Saidia. Locais e monumentos principais da cidade.

Pontos turísticos de Saidia
Pontos turísticos de Saidia

Praia de Saïdia: de águas quentes e calmas e areia fina e dourada, a praia tem um visual tranquilo. Possui uma orla que se estende por 6 km à beira-mar, ideal para passear e relaxar a qualquer hora do dia. Também é possível fazer passeios com dromedários e cavalos no local e ainda praticar jet ski e flyboard.

Marina de Saïdia: oferece 840 ancoradouros de 7 a 50 metros e existe uma previsão de expansão que chegará aos 1350 ancoradouros. Com esta obra concretizada, o local se torna o terceiro maior porto desportivo do Mediterrâneo. Possui algumas lojas de recordações, gelateria, restaurantes e cafés ao redor, que ficam abertos principalmente no verão.

Aquaparc Alpamare Saidia: é um parque de diversões aquático com muitos toboáguas e piscina de ondas.

Reserva Natural de Moulouya (Rio Mulucha): é uma reserva natural protegida com paisagens de tirar o fôlego, a 280 km de Saïdia facilmente acessíveis de carro, mais especificamente na cidade de Ras El Ma. Moulouya é o nome do rio, que tem 600 km de comprimento e desemboca no mar Mediterrâneo, no extremo nordeste do Marrocos.

O Rio Moulouya é o segundo maior rio do Marrocos e o local é classificado como um Sítio de Interesse Biológico e Ecológico (SIBE), por possuir uma grande biodiversidade em seus mais de 4.500 hectares de florestas de tamargueira, pântanos cobertos de juncos e dunas.

O sítio é um dos melhores locais para a migração de aves na costa do Mar Mediterrâneo e é também um ótimo refúgio para os amantes da natureza.

Golf de Saidia: clube de golfe frequentado por muitos empresários. Possui três campos de golfe de 18 buracos em uma área de mais de 210 hectares, onde amadores e veteranos podem se divertir. O campo está localizado próximo de grandes hotéis e da Marina de Saïdia.

Praia Ras El Ma: é uma vila de pescadores e praia protegida por falésias com mar de água cristalina e agradável para nadar. Dali é possível saltar de penhascos diretamente ao mar e avistar as Ilhas Chafarinas, um conjunto de ilhas localizadas a 4 km da costa.

Beni Snassen: são montanhas a 35 km de distância de Saidia com uma pequena cordilheira que culmina a 1.535 metros. O passeio ao local é imperdível e também é perfeito para os entusiastas da caça, que podem encontrar perdizes, lebres, codornizes e javalis por lá. É possível obter as licenças de caça no local.

Kariat Arekmane: é uma cidade na província de Nador que possui uma praia com 7 km de extensão de fácil acesso e muito apreciada por sua água limpa e areia fina.

Lagoa Mar Chica: é uma lagoa de 115 km2 isolada do mar por um fino cordão de dunas. É um local excepcional visto do alto e ótimo para a prática de pesca e de esportes náuticos.

Praia de Oued Kert: é uma magnífica praia de 8 km de extensão, que leva a Betoya Bay, uma lagoa perfeita para relaxar e ter um momento de recreação em família.

Praia de El Kallat: praia agradável para ir com família e amigos, situada entre duas falésias com cerca de 5 km de extensão e delimitada por um cordão de floresta. É admirada por sua tranquilidade e águas claras e possui bons restaurantes com excelente vista para a praia.

Desfiladeiros de Zegzel: é uma das mais belas atrações da região, uma vez que as estradas que conduzem às gargantas são sinuosas e permitem a contemplação de pomares de rosas selvagens, que circundam um riacho.

Caverna do Camelo: é a gruta mais importante da região, conhecida por possuir uma estalagmite que acabou por criar o formato de um camelo. Ali estão outras estalagmites e estalactites que formam esculturas naturais que merecem ser vistas.

Gruta de Taforalt ou Tafoughalt: também conhecida como Gruta dos Pombos (ou Caverna dos Pombos), é um lugar pré-histórico Paleolítico, que já era habitado de 21.000 a 10.800 anos a.C, segundo escavações lideradas por Armand Ruhlmann, que foram seguidas por Jean Roche, Jean-Paul Raynal, Abdeljalil Bouzouggar e Nick Barton. Desde 1995, o local é candidato para se tornar um Património Mundial. Tafoughalt também é um pequeno resort de montanha situado a 44 km de Saïdia. A cidade geralmente é usada como base para as excursões nas montanhas. Durante o inverno, há bastante neve no local.

Berkane: é um centro agrícola a 30 km de Saïdia, responsável por abastecer a cidade todos os dias com frutas e verduras. Berkane também é a capital da reggada, música tradicional berbere fortemente ritmada pelos instrumentos: zurna (flauta dupla), bendire e ghaïta.

Cabo das Três Forcas: é um cabo montanhoso a norte de Nador, com mar azul turquesa, rodeado por falésias e aves marinhas que adoram o local.

Oujda: é uma cidade a 65 km de Saïdia que vale a pena ser visitada quando estiver na região. A Medina da Oujda é colorida e viva e emana o aroma dos chás de menta, do café, dos bolo fritos, das especiarias e dos perfumes. Não muito longe dali está o Souk El Ma e a Mesquita de Al Kabir construída em 1298 e que possui três fontes. Ja a Madraça Mérinide e o Palacio Dar Essebti chamam a atenção dos turistas pela arquitetura. A cidade também tem parques e jardins como, por exemplo, o Parque Lalla Aicha, que é o maior espaço verde de Oujda, estendendo-se por cerca de 17 hectares.

Bouarfa: continuando a sua viagem em Marrocos, é interessante visitar esta cidade que está a 330 km de distância de Saïdia. Ela possui um grande hotel com piscina que organiza passeios com guias em 4×4, a cavalo, dromedário ou a pé, para que possa explorar o local. A cidade possui muitas pinturas e gravuras rupestres e uma reserva biológica e ainda as Gazelas Dorcas, que podem ser vistas nas áreas rochosas ou nas dunas. O comboio “Oriental Desert Express” liga Oujda a Bouarfa e, nos mais de 300 quilômetros de viagem, o visitante pode apreciar  o visual para o deserto com pequenos povoados isolados e acampamentos de nômades. O comboio pára em vários locais, onde pode aproveitar para fazer  fotos e tornar esta experiência inesquecível.

Figuig: está a 433 km de Oujda e é o oásis mais próximo da Europa e um dos mais belos de todo o Marrocos. Mas o que é um oásis? É uma área isolada de vegetação em meio a um deserto, geralmente próxima a uma nascente de água doce. Figuig recebeu a classificação de cidade com o maior patrimônio histórico preservado, considerando os edifícios antigos de Marrocos. Para se ter uma ideia, hoje em dia não se constroem mais ksours, que são fortificações berberes, e ali existem sete bem preservadas, e na região ainda foram encontradas gravuras da época Neolítica. O oásis com sua vasta extensão de palmeiras, é um dos poucos que podem dar ao turista uma ideia de como era a vida ali antigamente. 


Actividades de Verão

Praia em Saidia
Praia em Saidia

Na temperatura certa, Saïdia é um lugar perfeito para a prática de esportes e atividades aquáticas, por ter um vento moderado e constante e mar pouco agitado.

Na marina e no porto pode-se encontrar passeios de iate e cruzeiros e pesca a bordo de veleiros e catamarãs. Outra atividade perfeita para ser feita ali é o mergulho para admirar a fauna e flora das águas cristalinas do Mar Mediterrâneo. 

Saïdia é um ponto muito interessante para se fazer mergulho por não ter corrente forte no mar e possuir bons equipamentos disponíveis para esta prática.

Durante a temporada de verão, aulas de equitação e passeios a cavalo são organizados em Saïdia. Marrocos, inclusive, é conhecido por por seus cavalos marroquinos puro-sangue, elegantes e robustos.


Festivais de música de Saïdia 

Festival Internacional de Raï em Oujda: festival de música que reúne artistas de Marrocos e da Argélia. Acontece todos os anos no mês de Julho e é o maior festival em números de de visitantes em Marrocos, depois da cidade de Casablanca.

Festival de Música Gharnati em Oujda: o estilo musical Gharnati (de Granada) é uma tradição desenvolvida pelos árabes durante a ocupação da Espanha no século XV. E Oujda acabou por manter esta tradição, organizando o festival durante todos os anos, no mês de Março.

Festival popular Reggada: festival de reggada, que acolhe também os estilos Raï e Gharnati. Reggada é um estilo musical que engloba instrumentos e dança originários de uma antiga dança de guerra dos combatentes rufianos, e que hoje é muito popular no nordeste de Marrocos. O festival acontece todos os anos no mês de Agosto.


O que e onde comer em Saïdia?

A culinária marroquina é reconhecida em todo o mundo e a região de Saïdia não fica de fora quanto à riqueza de sabores.

O karané, por exemplo, é uma especialidade da cidade de Oujda (65 km de Saïdia). Ele é um purê cremoso feito de grão-de-bico e de uma farinha grossa e é um prato imperdível de ser provado, se estiver na região.

O berkoukech é uma sopa picante feita de legumes da estação e trigo. É muito nutritiva e também muito tradicional na região. De acordo com a tradição, os marroquinos a tomam no terceiro dia após o nascimento de um filho e também em dias de festa.

A região de Saidia também é conhecida pelos doces de kaaks, que são biscoitos em forma de anéis preparados à base de farinha, sementes de gergelim, cardamomo e anis, e os makrouts, que são bolinhos fritos recheados com tâmaras e semolina e servidos mergulhados no mel.

Os doces estão sempre presentes na hora do lanche e em ocasiões especiais, acompanhados de chá ou do pão tradicional de Marrocos.

A seguir veja algumas recomendações de lugares para comer em Saïdia.

Endereço: Boulevard Hassan 2 96 63600 Saïdia

Endereço: Bd Moulay Abdellah | Derrier Comping Tennis, Saidia 63602, Marrocos

Endereço: Bb Mohamed V Saidia (637,15 km) 62000 Saïdia

Endereço: Avenue Mohamed V, Saïdia 63600

Endereço: 10 Avenue Bir Anzarane, Saïdia


Onde fazer compras em Saïdia?

Em Saïdia encontrará o Medina Center ou Medina Mall, um shopping center ao ar livre, inspirado no Ibn Battuta Mall de Dubai, porém com arquitetura tradicional marroquina.

Ele está situado na Marina de Saïdia e possui mais de 200 marcas, restaurantes e serviços, como bancos e ginásio, o que faz dele o maior centro comercial do norte da África.

No shopping ainda encontra-se o hipermercado Marjane, lojas de várias marcas de luxo internacionais, um complexo de cinemas e área de lazer.

Em Saïdia ainda é organizado todos os domingos um mercado tradicional ao ar livre, no centro da cidade.

Agencia de Viagens em Marrocos
Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá, somos a equipa do Marrocos.Com
Saudações do Deserto!
Como podemos ajudar?