Visitar Marraquexe Marrocos

Marraquexe (Marrakech) é a capital do turismo em Marrocos. É uma cidade maravilhosa e que apesar de ter muitos turistas, nunca perde a sua essência e nunca deixa de ser extremamente exótica. Nesta página disponibilizamos para si, um guia de viagem para Marraquexe para que consiga organizar melhor a sua estadia. Este guia de viagem para a cidade mais visitada de Marrocos vai ajudá-lo a conhecer e melhor explorar este destino exótico.

Como Chegar até Marrakech

Chegar de Avião

Existem várias companhias a voar para Marrakech, por exemplo, a TAP, que tem uma ligação directa desde Lisboa. A Ryanair usa opera diversas rotas, nomeadamente desde Espanha, podendo Sevilha ser um óptimo ponto de partida para os viajantes portugueses que vivam no sul do país. O aeroporto internacional fica relativamente próximo do centro da cidade, a cerca de 5 km, existindo várias formas de ultrapassar esta distância.

Chegar de autocarro

Existem ligações frequentes de autocarro desde o aeroporto de Marrakech até ao centro da cidade. O número 19 segue uma rota bem conveniente, passando junto dos principais hotéis da cidade e terminando a carreira bem próximo da famosa Praça Jamaa el Fna. Se quiser sair em qualquer local do percurso, basta pedir ao condutor para parar. Não existem paragens fixas.

Instruções:

  1. O bilhete custa 30 Dirham (cerca de 3 Euros) e entre as 6:15 e as 21:30 há partidas de trinta em trinta minutos. Depois desse hora, poderá ainda procurar a paragem do autocarro 11 (ver em baixo)  ou de táxi. Em último caso poderá arriscar a caminhada até ao centro. O tempo previsto de viagem é de 30 minutos, mas geralmente demora menos a chegar ao destino.
  2. Encontrar a paragem do #19 é simples: saindo pelas portas das chegadas do terminal 2, vira-se à esquerda e passa-se pelos táxis estacionados até chegar ao ponto de partida do autocarro.
  3. Se planeia regressar no espaço de duas semanas pode comprar um bilhete de ida e volta, que lhe custará 50 Dirham.
  4. Para viajantes mais aventureiros, existe uma outra hipótese. O autocarro 11. Este pára no exterior do complexo do aeroporto e encontrar o sítio exacto onde o apanhar pode ser um desafio. No aeroporto apenas pode sorte alguém saberá explicar .

Faça o seguinte: atravesse o parque de estacionamento, obliquando para a direita, seguindo a saída dos automóveis. Vire à esquerda e caminhe 200 metros, onde existe uma rotunda. Vire à esquerda, e passado uns 50 metros atravesse na passadeira. Continue a andar até encontrar um edifício com pilares, a cerca de 75 metros. O autocarro parará por aqui. Se falar francês ou árabe. As vantagens desta opção: é mais pitoresco e divertido; o bilhete custa 4 Dirham; o horário mais alargado, entre as 5:40 e as 21:40 (um pouco mais tarde neste local).

Atenção: não há espaço no #11 para grandes bagagens e não deverá pagar com notas de valor elevado.

Chegar de Táxi

Lidar com os taxistas em Marrakech e especialmente no aeroporto poderá ser um desafio à sua paciência. O preço fixo pelo governo é de 70 Dh de dia e 110 dirhams à noite. Não satisfeitos com isso, muitos taxistas tentam ainda cobrar mais aos passageiro. Nunca pague mais de 70 Dirham pela ligação de táxi entre o aeroporto e o centro de Marrakech. O preço fixo está num painel no aeroporto e também nos autocolantes no vidro dos táxis. Se precisar de apanhar um táxi e quiser poupar algum dinheiro, caminhe até à rotunda e apanhe lá uma viatura por um terço do valor, ou seja, 22 Dirham.

Chegar a Pé

Ao contrário do que acontece com a maioria dos aeroportos por esse mundo fora (o de Lisboa é outra boa excepção), é possível caminhar directamente desde o terminal até ao centro da cidade. Existe um passeio pedonal que liga o aeroporto à cidade e é um percurso que se faz bem e de forma segura, especialmente de dia. São cerca de 5 km, que podem ser palmilhados com os olhos postos no minarete da Koutobia, um excelente farol para o caminhante.

Chegar de Comboio

A estação ferroviária de Marrakech – bem bonita, aliás – fica no bairro Guéliz, no topo da avenida Hassan II. É um gare moderna, preparada para satisfazer todas as necessidades do viajante. Tem um posto de turismo, caixas multibanco, pequenos supermercados e restaurantes e uma loja de telecomunicações onde se podem comprar cartões SIM para o telemóvel.

  • Há ligações ferroviárias desde Casablanca, inclusive do seu aeroporto internacional, desde Tânger, Rabat ou Fez.
  • Pode-se caminhar até ao centro. São 1,70 km desde a estação até às muralhas da medina. Os autocarros #3 e #8 param aqui.

Chegar de Autocarro (Ônibus)

Basicamente todo o país se encontra ligado a Marrakech por uma rede de ligações de autocarro envolvendo diversas companhias. As mais eficientes são a CTM e a Supratours. A Supratours tem a sua estação por detrás da gare ferroviária e a loja e escritório está localizada na própria estação de comboios. A CTM usa o terminal rodoviário principal, junto às paredes ocidentais da medina.

3 DIAS MARRAKECH
3 DIAS MARRAKECH

Quando Ir a Marrakech


As melhores alturas do ano para visitar Marrakech são os períodos que antecedem o Verão e o que se lhe segue. Ou seja, Maio ou Setembro e Outubro. No pico do Verão faz demasiado calor e caminhar na rua durante as horas necessárias para explorar a cidade pode-se tornar desagradável. E o Inverno, ao contrário do que muitas pessoas pensam, pode ser surpreendentemente frio.

Se visitar em meados de Julho poderá apreciar o Festival de Artes Populares de Marrakech, que enche as ruas da medina com artistas de todos os géneros, concentrando-se na praça Jamaa el Fnaa e no Palácio Badi. A não perder será a noite da Fantasia, um tipo de espectáculo muito popular em Marrocos que reconstitui batalhas com figurantes e uma carga de cavalaria marroquina.

Onde Ficar alojado em Marrakech


Em Marrakech mantém-se a tendência das principais marroquinas: os grandes hotéis, pertencentes a cadeias internacionais famosas, estão localizados fora do centro histórico. É uma situação normal, nunca seria possível, por uma questão de espaço, implementar este tipo de negócio na medina. Por outro lado, é dentro de muros que se encontram as casas tradicionais, com um ambiente local, algumas delas com um nível de conforto elevadíssimo.

Algumas ideias de alojamento:

  1. Dentro do segmento económico, o Riad Konouz é uma boa opção. Por cerca de 30 Euros tem ali o hóspede assegurado um quarto duplo com casa de banho privativa, bom acesso à Internet e pequeno-almoço. A decoração é tipicamente marroquina, muito colorida e alegre. O próprio edifício segue essa filosofia, pintado de amarelo muito vivo. Vive-se ali um ambiente familiar, e os proprietários estão lá para assistir os hóspedes e dar os conselhos pedidos.
  2. O Riad Alnadine, localizando no coração da medina, é um alojamento também em riad, ou seja, numa casa tradicional, mas com um pouco mais de qualidade, uma decoração mais requintada, e de resto tudo o que esperaria, com pequeno-almoço incluído nos preços e acesso Wi-Fi.
  3. Por outro lado, o viajante de orçamento mesmo apertado, que procure uma solução do tipo de hostel, encontrará no Majorelle Hostel um local onde ficar com uma cama em dormitório a custar 5 Euros. O hostel encontra-se estabelecido num riad, muito próximo da praça Jamaa el Fna e é sem dúvida um dos melhores da cidade.
  4. Há ainda o Dar Zaman do meu bom amigo Peter, inglês que vive em Marrakech há muitos e anos, e que fala perfeitamente português. Somos amigos e já fiquei muitas vezes no riad dele. Aconselho!

Para mais detalhes sobre as melhores zonas onde ficar em Marrakech, pode ler o artigo Hotéis em Marrakech.

Onde comer em Marraquexe?

Já sabe onde comer em Marraquexe? Seleccionamos abaixo os melhores restaurantes de Marraquexe de acordo com diferentes faixas de preços, que cabem em todos os tipos de bolsos.

Restaurantes económicos

Corner Cafe

  • Endereço: 18 Bis Kenaria dabachi, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto de terça a domingo às 12:30-16:00 e às 18:30-23:30

La Cantine Des gazelles

  • Endereço: 6 Dabachi Kennaria, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto de terça a domingo às 12:00-16:00 e às 19:00-22:00

Amal

  • Endereço: Rue Allal Ben Ahmed et Rue Ibn Sina | Gueliz, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto de terça a domingo às 8:30-10:00 e às 12:00-15:30

Cafe babouche medina

  • Endereço: Rues de banques N37 marrakech | Medina, Marraquexe
  • Horário: Aberto todos os dias 11:00 às 23:00

Chez Yassine

  • Endereço: Rue Fatima Zahra Rmila Acote de Hammam El Bacha, Marraquexe
  • Horário: Aberto de quinta-feira à terça-feira das 13:15 às 22:00

Restaurantes de preço moderado

Baromètre Marrakech

  • Endereço: Rue Moulay Ali Guéliz | Résidence Al houda, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto de segunda à sabado das 18:30 às 01:00

Manzil la Tortue

  • Endereço: Km12, Douar Gzoula | Route de Ouarzazate, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 18:00 às 00:00 

Le Trou au Mur

  • Endereço: 39 Derb El Farnatchi | Marrakech Medina, Marraquexe.
  • Horário: Aberto de quarta à segunda às 12:30-15:00 e às 18:30-23:30

Le 68 Bar A Vin

  • Endereço: 68, Rue de la Liberte | Derriere Carre Eden Gueliz, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 17:00 às 02:00

L’envers

  • Endereço: 29 Rue Ibn Aicha, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 18:00 às 02:00

Restaurantes caros

Le Medina Privilege Restaurant

  • Endereço: Rue la Kasbah N51 Sahrij Gnaoua | Sahrij Gnaoua, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 13:00 às 23:00

Dar Zellij

  • Endereço: No1 Kaa Sour, Sidi Ben Slimane | Medina, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 13:00 às 23:00

La Villa Des Orangers – Restaurant

  • Endereço: 6 rue Sidi Mimoun, Marraquexe
  • Horário: La Villa Des Orangers – Restaurant

Restaurant du Red House

  • Endereço: Av el yarmouk, Marraquexe
  • Horário: Aberto 24 horas

Comptoir Darna Marrakech

  • Endereço: Avenue Echouhada | Hivernage, Marraquexe – Marrocos
  • Horário: Aberto todos os dias das 20:00 às 03:00

Onde fazer compras em Marraquexe?

Veja a seguir quais são os melhores locais para fazer compras em Marraquexe, em Marrocos.

  1. Souks na Medina de Marraquexe: o centro da cidade possui mercados tradicionais marroquinos, acessíveis pela praça Jemaa-el-Fna. O local reúne trabalhos de mais de 40 mil artesãos e mesmo que não tenha a intenção de comprar nada, visite o local, porque faz parte do passeio turístico em Marraquexe observar a tradição local.
  2. Gueliz: enquanto a Medina é a “cidade antiga”, Gueliz é chamada de “cidade nova”, e é o local que abriga butiques chiques e badaladas de criadores, designers e galerias de arte. No distrito também encontrará lojas especializadas em decoração, moda e marcas de luxo. 
  3. Mellah: é um antigo bairro judeu de Marraquexe situado à sudeste da Medina, onde encontrará muitas oficinas de artesãos e artesanatos vendidos a preços muito bons, diretamente das oficinas. A poucos metros de distância está o maior souk de joalharia de Marraquexe, que inclui cinquenta lojas que vendem principalmente moedas de ouro e prata de 18K, bem como o enorme souk de especiarias que ocupa parte do mercado coberto.
  4. Menara Mall: é um dos maiores centros comerciais de Marraquexe com quase 90 lojas, oferecendo marcas internacionais de renome, perfumes e cosméticos, calçados, roupas, joias, óculos, artigos esportivos e souvenires.

Roteiro de 3 dias em Marraquexe

Vamos agora passar ao roteiro passo-a-passo. Está preparado? (clique no dia pretendido)

Agencia de Viagens em Marrocos