Táxis em Marrocos: Petit-Taxi e Grand-Taxi

Andar de táxi em Marrocos pode ser uma das maiores aventuras que já teve.

E daquelas histórias que vai contar aos seus amigos sempre que se lembrar das férias em Marrocos.

E quando falamos de táxis marroquinos existem dois tipos:

o Petit Taxi e o Grand Taxi, que em tradução livre são mesmo os pequenos e os grandes táxis.

Falamos primeiro do Petit Taxi

PETIT TAXI MARROCOS
PETIT TAXI MARROCOS

Este são os táxis que fazem as viagens dentro da cidades. Ou seja, fazem pequenos trajectos.

Têm cores diferentes em cada cidade como, por exemplo, são bejes em Marraquexe e vermelhos em Fez.

Por norma, os Petit Taxi são carros pequenos, e fazem as voltas dentro da cidade. Recorde-se que deve sempre negociar o preço da viagem que vai fazer – existem já preços estipulados para vários percursos – mesmo que o táxi tenha taxímetro e mesmo antes de se sentar lá dentro.

Estes taxistas também podem oferecer-se como guias. Se aceitar combine sempre um preço antes e o que valerá. Quantos dias, que locais vão visitar, etc Só tem a ganhar se conseguir negociar antes.

O preço de uma viagem dentro da cidade de Ouarzazate custa 4 dirhams, mas dentro da cidade de Marrakech já depende da distância que percorre. Por exemplo para ir do centro da medina até à estação de comboio por exemplo, não deverá custar mais de 20 dirhams.

E agora os Grand Taxi

GRAND TAXI MARROCOS
GRAND TAXI MARROCOS

Além dos Petit Taxi existem os Grand Taxi.

Ora, como o nome indica, os Grand Taxi são táxis grandes e geralmente são carros grandes e espaçosos, como os da marca Mercedes, por exemplo, daqueles modelos mesmo grandes e antigos.

Não espere ver um último modelo de carros em táxis em Marrocos.

Os Grand Taxi são táxis partilhados – daí termos avisado que seria uma grande aventura andar de táxi em Marrocos – e que transportam várias pessoas entre cidades. Geralmente percorrem grandes distâncias e para compensar as deslocações – e o combustível – tentam rentabilizar ao máximo.

A cor dos Grand Taxi podem mudar consoante a zona onde operam. Já vimos táxis brancos, amarelos, laranja e azuis e com cores que se destacam para ser fácil a identificação de que são táxis.

Como referimos, tentam rentabilizar as grandes viagens colocando o maior número de pessoas dentro do Grand Taxi. Podem até chegar às sete ou oito pessoas, por isso, apesar de ser barato tem de pensar bem se quer ir apertadinho entre pessoas que não conhece de lado nenhum numa viagem de vários quilómetros.

Não se esqueça, e isso sim é muito importante, de ver qual é o preço antes de se meter dentro do táxi. Existem trajectos com preços já definidos, mas mesmo assim pergunte sempre quanto é para o local que se está a deslocar mesmo antes de se sentar. Só assim garante um preço mais justo.

E lembre-se que pode entrar dentro do táxi e ir sozinho durante uns quilómetros e depois de algumas paragens pelo caminho o carro encher. É essa a filosofia dos Grand Taxi.

E não fosse muitas vezes o exagero de encherem o carro, até quase não nos podermos mexer lá dentro, esta seria a atitude correcta a ter em qualquer parte do mundo. Rentabilizar as boleias e o combustível.

Agencia de Viagens em Marrocos