As Montanhas do Atlas

As Montanhas do Atlas são uma cordilheira montanhosa que atravessa grande parte do território marroquino. Estas montanhas dividem-se em três parte integrantes da cordilheira: Alto-Atlas, Médio Atlas, e Alto Atlas. As elevações rompem o interior de Marrocos, de nordeste para sudoeste, e são muito procuradas também por quem gosta de praticar todo-o-terreno e caminhadas.

Para muitos que visitam Marrocos é imprescindível uma passagem pelas Montanhas do Atlas. Depende sempre dos seus objectivos o que vai fazer quando vai visitar um país. Vai ficar no centro da cidade e absorver a vida dos habitantes, ou refugiar-se em locais de paz e contemplação?

  • Só para ficarem com um bocadinho de geografia, em território marroquino subdividem-se em três formações: Atlas Médio (3356m), Alto Atlas (4167m) e Pequeno Atlas (3305m).

O mais impressionante é, por vezes, estar com um calor infernal na cidade e ver, ao longe, os picos da montanhas do Atlas cobertas de neve. A verdade é que o cimo das montanhas atingem alturas muito elevadas, chegando aos 4 mil metros de altitude – o ponto mais alto atingirá os 4164 metros, mais precisamente, no pico Jbel Toubkal, no sul de Marrocos. Mas as Montanhas do Atlas não estão só em território marroquino, estendendo-se também por terras argelinas e tunisinas.

Nas montanhas do Atlas é onde vive parte da população Berbere e ao fazer um passeio neste local será inevitável conviver com este povo. É uma mais-valia. Faz um passeio e ainda traz um bocadinho da cultura deste fantástico povo que preserva muitas das suas tradições.

São várias as pessoas que fazem passeios guiados, percorrendo as estradas até às montanhas Atlas, passando pelas vilas pelo caminho, e até participando em actividades como feiras, com a venda de produtos locais legumes e frutas que são servidos na gastronomia típica marroquina.

Nesses passeios pode inclusive visitar casas típicas de quem mora no caminho para as montanhas Atlas onde, é quase uma certeza, lhe vão oferecer o famoso chá de menta marroquino.

Para os mais aventureiros a subida ao Jbel Toubkal costuma ser um sonho. Para quem está em boa forma física, e habituado a este tipo de férias (montanhismo, caminhada ou trekking), a subida deve demorar cerca de dois ou três dias. Não se esqueça de levar o equipamento necessário para o montanhismo, mas se se esquecer há sempre locais onde o poderá alugar.

Aldeia nas Montanhas do Atlas
Aldeia nas Montanhas do Atlas

Aconselhamos que vá acompanhado, porque subir até mais de 4000 metros não é para qualquer um. Há que ter uma preparação física para tal e estar preparado para a falta de oxigénio, por exemplo.

Se for novato no montanhismo, pode ficar a meio do caminho e voltar para trás e da próxima vez que voltar a Marrocos tentar chegar mais longe.

Lembre-se que interessa é o passeio e não o objectivo de chegar ao topo. Aproveite e usufrua das magníficas vistas que vai tendo à medida que vai subindo as montanhas do Atlas.

Veja agora a página com os melhores Destinos para visitar Marrocos.

Agencia de Viagens em Marrocos